Afinal, quais os tipos de frigideira? Saiba mais aqui!

Alguns utensílios de cozinha são tão úteis que vão do café da manhã ao jantar, sendo usados tanto para o preparo de refeições do dia a dia como em ocasiões especiais.

Os diversos tipos de frigideira, por exemplo, dão conta dessa versatilidade. Para conhecer os modelos mais úteis e ver se, na sua cozinha, não está faltando nenhum, leia este post até o fim.

Por que existem tantos tipos de frigideira?

Os diferentes tipos de frigideira são importantes para preparar alimentos da maneira mais adequada, como mandam as receitas. Os ovos, por exemplo, podem ser mexidos, fritos, pochés, entre outros — e cada técnica pede uma frigideira. O mesmo vale para os legumes, que podem ser salteados ou cozidos no vapor, por exemplo.

Há também aqueles pratos que começam no fogão e terminam no forno, geralmente para serem gratinados. Nesse caso, uma frigideira do tipo caçarola, com duas alças laterais em material resistente ao calor, como inox, alumínio ou ferro, é ideal.

Quais são os modelos mais utilizados?

De maneira geral, as frigideiras se caracterizam pelas bordas baixas e cabos compridos. Servem principalmente para fritar e grelhar alimentos. Entre os diferentes tipos, destacam-se:

  • tradicional sem tampa: redonda e com a base reta. As versões antiaderentes (com revestimento cerâmico ou teflon) são ideais para preparos sem adição de gorduras (óleo, manteiga, azeite etc.); já as de aço inox ou ferro são boas para criar crostas douradas nos alimentos;
  • tradicional com tampa: costuma ser um pouco mais funda, servindo como uma panela multiuso. Boa para fazer de grelhados a pequenos ensopados;
  • grill ou bistequeira: com ranhuras que marcam as carnes como se tivessem sido grelhadas na churrasqueira, permitem que filés de cerne, porco, frango e peixe sejam assados por igual;
  • míni: com menos de 15 cm de diâmetro, é ideal para o preparo de ovos fritos, bem como panquecas americanas. Seu tamanho permite o cozimento uniforme da borda ao centro;
  • para saltear: a borda mais alta e ligeiramente curvada para dentro impede que os ingredientes escapem da panela, ajudando a manter o fogão limpo;
  • omeleteira: duas frigideiras unidas, o que possibilita virar o omelete (por mais recheado que esteja) sem precisar de espátula. Além de dourar por igual, os ovos mexidos tampados crescem muito mais, ficando deliciosamente fofos;
  • para ovo poché: a base tem um compartimento para a água fervente, o que permite que o ovo cozinhe lentamente no vapor;
  • wok: ideal para preparar pratos orientais, como yakissoba, pad thai, entre outros. É alta e com fundo arredondado. Geralmente, tem tampa, o que facilita na hora de fritar carnes, frangos e frutos do mar, bem como cozinhar legumes ao vapor e fazer refogados;
  • paellera: assemelha-se à wok. Além de servir para fazer paellas, é boa para preparar massas e carnes;
  • panquequeira: redonda, rasa e sem tampa, precisa ser antiaderente para evitar que a massa grude e possa ser virada no ar. Se achar necessário, use uma espátula para não quebrar as panquecas (ou crepes, tapiocas etc.).

Vale a pena investir em diversas frigideiras?

Com certeza! Não só pela diversidade de preparos que permitem executar, como pela qualidade. Mas, para isso, opte por modelos de marcas conhecidas. Na dúvida, uma regra que nunca falha é a do peso: quanto mais pesadas as panelas, melhores são.

Isso tem a ver com o número de camadas no fundo, o que garante a distribuição de calor adequada e permite que os alimentos cozinhem de forma mais rápida e uniforme. Agora que você sabe mais sobre os diferentes tipos de frigideira, invista nos modelos que ainda não possui e complete seu jogo de panelas.

Outra novidade são as frigideiras de revestimento cerâmico. Elas dispensam o uso de óleo sendo um aliado incrível pra quem cuida da saúde. 

Com isso, além de agilizar os preparos, garante-se que sejam executados de melhor forma possível. Por exemplo: enquanto opções rápidas (como um pão na chapa) vão na tradicional, as de cozimento mais lento (como carne com vegetais) podem ir na wok. Com o utensílio ideal, o trabalho na cozinha se torna muito mais fácil.

Se você gosta de cozinhar, aproveite para acessar o site da Exclusiva Utilidades e veja outros produtos que facilitam a rotina doméstica!

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *